Conhecido pelas ondas perfeitas e pelas paisagens de cartão postal, o arquipélago das Maldivas passa por um turbilhão político neste exato momento.

Tudo começou quando a suprema corte do país ordenou a liberação de nove prisioneiros políticos, incluindo membros de partidos de oposição e um ex-presidente. Os juízes rejeitaram as acusações de terrorismo que recaíam sobre o grupo.

Veja também: WSL pode ficar sem eventos no Hawaii a partir de 2019

Abdulla Yameen, atual presidente das Maldivas e acusado pela oposição de corrupção e abuso de poder, julgou a decisão como ilegal. Primeiro, fechou o parlamento do país, neste domingo (4). Nesse mesmo dia, milhares de pessoas marcharam nas ruas de Male, capital do país, em grupos que apoiavam tanto o presidente quanto a oposição.

Na manhã desta terça (6), Yameen decretou estado de emergência no país. Logo depois, ordenou a prisão do chefe do Judiciário no país e de um juiz da suprema corte envolvido na soltura de seus opositores.

Taj Burrow entuba em Sultans durante o Four Seasons Champions Trophy (WSL/Tom Bennett)

O decreto do estado de emergência pelo presidente dá poder irrestrito às forças armadas para executar ordens de prisão, restringe a autoridade do poder judiciário e derruba a imunidade de juízes da suprema corte.

Segundo a rede de televisão Al Jazeera, juízes foram trancados dentro do prédio da suprema corte por soldados e policiais da tropa de choque.

A Organização das Nações Unidas, a União Europeia e os governos de diversos países, como Reino Unido, Índia e Estados Unidos, pediram com urgência para que o presidente respeitasse as decisões da suprema corte.

E o surf com isso?

A insegurança política é uma ameaça ao único evento do calendário do surf mundial programado para as Maldivas, o Four Seasons Champions Trophy. O evento especial reúne diversos nomes de peso que não correm o QS ou o CT, em três categorias: monoquilha, boquilha e thruster. 

No ano passado, Taj Burrow sagrou-se campeão geral após uma disputada final contra Rob Machado em boas ondas na direita de Sultans. Maya Gabeira chegou à semifinal feminina na categoria thruster. Neste ano, o evento está marcado para o período entre os dias 8 e 14 de agosto.

Entretanto, o arquipélago é um tradicional destino para surftrips para o público que está disposto a gastar um pouco mais em troca do conforto dos diversos resorts do local. Ou seja, se você está planejando uma viagem para as ilhas nas próximas semanas, recomendamos: comece já a pensar em um plano B.

Foto de capa: perfeição nas Maldivas (Sean Scott/WSL)