Italo e Ian tentam vagas nas quartas de final em Fiji

Italo Ferreira e Ian Gouveia perderam a primeira chance de classificação na quarta-feira e terão outra na última repescagem do Outerknown Fiji Pro. Confira como foi

Os brasileiros perderam na quarta-feira de ondas irregulares de 3-5 pés em Cloudbreak, mas terão uma segunda chance de classificação para as quartas de final do Outerknown Fiji Pro. O potiguar Italo Ferreira disputa a primeira repescagem com o australiano Julian Wilson e o pernambucano Ian Gouveia entra na segunda com o italiano Leonardo Fioravanti. Essa quinta fase ainda teve uma chamada para as 14h30, mas as previsões indicam melhores ondas para os próximos dias, então ficou para as 7h00 da quinta-feira em Fiji, 16h00 da quarta-feira no fuso horário de Brasília.

O prazo do quinto desafio do World Surf League Championship Tour termina na sexta-feira em Fiji e o objetivo é realizar as fases decisivas nas melhores condições possíveis. O australiano Matt Wilkinson é o único que ainda pode tirar a lycra amarela do Jeep WSL Leader do havaiano John John Florence nesta etapa, mas só se vencer o Outerknown Fiji Pro ele pula do quinto para o primeiro lugar no ranking. Caso seja vice-campeão como na final do ano passado contra Gabriel Medina, Wilko permanecerá em quinto, podendo até ser ultrapassado por Joel Parkinson, que com a vitória em Fiji empataria na vice-liderança com Adriano de Souza, Jordy Smith e Owen Wright, apenas 350 pontos de John John Florence.

Matt Wilkinson já deu um passo na quarta-feira, vencendo a primeira vaga para as quartas de final. Ele atacou uma onda em Cloudbreak que valeu nota 8,67 e foi decisiva para superar o também australiano Julian Wilson por 14,27 a 13,93 pontos. O estreante em Fiji, Ian Gouveia, que barrou um dos vice-líderes do ranking, Owen Wright, nos tubos da segunda-feira da semana passada, dessa vez não achou boas ondas e ficou em terceiro lugar com 10,40 pontos. Ele terá outra chance de passar para as quartas de final pela primeira vez, contra o italiano Leonardo Fioravanti no segundo duelo da quinta fase.

O primeiro será entre Julian Wilson e o outro brasileiro que continua na disputa do título do Outerknown Fiji Pro, Italo Ferreira. O potiguar também não conseguiu pegar as melhores ondas que entraram na bateria e ficou em último lugar. Ao contrário, o taitiano Michel Bourez fez os recordes do dia, somando uma nota 9,00 no placar de 15,73 pontos. O italiano Leonardo Fioravanti começou bem a bateria e terminou em segundo lugar com 10,77 e o brasileiro em terceiro com apenas 8,50 nas duas notas computadas.

Na terceira bateria ainda entraram algumas ondas boas em Cloudbreak. O australiano Connor O´Leary largou na frente com nota 7,33 e depois conseguiu 6,33 para totalizar 13,66 pontos. O francês Joan Duru, destaque da terça-feira, repetiu o bom desempenho numa boa onda que valeu nota 8,00, ficando muito perto da vitória com 13,50 pontos. E o favorito Joel Parkinson só surfou duas ondas fracas que somaram 10,83.As condições do mar se deterioraram rapidamente com a mudança da maré e faltou onda no confronto que fechou a primeira rodada classificatória para as quartas de final. O veterano Bede Durbidge teve sorte de pegar uma no início que rendeu nota 6,5. Depois, ficaram bem ruins, sem formação e com grandes intervalos entre as séries. Stuart Kennedy, que barrou Adriano de Souza na terceira fase, só foi em duas ondas fracas. Já o havaiano Sebastian Zietz, pegou apenas uma durante toda a bateria. A vitória foi por 11,10 pontos, contra 5,54 de Stu Kennedy e 4,67 do Zietz.

QUARTAS DE FINAL – A quinta fase chegou a ficar em “stand by” na quarta-feira, até as 14h30, mas as ondas não melhoraram e a batalha pelas últimas vagas para as quartas de final ficaram mesmo para a quinta-feira. A primeira chamada do dia será as 7h00 em Fiji, 16h00 da quarta-feira no fuso horário de Brasília. Italo Ferreira disputa a primeira bateria com Julian Wilson e o vencedor será o adversário de Matt Wilkinson na primeira quarta de final. Ian Gouveia entra na segunda com Leonardo Fioravanti e o melhor enfrentará ao taitiano Michel Bourez.

 

FIJI PRO: Quartas de final

1: Matt Wilkinson (AUS) x vencedor da 1.a bateria da Quinta Fase

2: Michel Bourez (TAH) x vencedor da 2.a bateria da Quinta Fase

3: Connor O´Leary (AUS) x vencedor da 3.a bateria da Quinta Fase

4: Bede Durbidge (AUS) x vencedor da 4.a bateria da Quinta Fase

FIJI PRO: Round 5

1: Julian Wilson (AUS) x Italo Ferreira (BRA)

2: Ian Gouveia (BRA) x Leonardo Fioravanti (ITA)

3: Sebastian Zietz (HAV) x Joan Duru (FRA)

4: Joel Parkinson (AUS) x Stuart Kennedy (AUS)

FIJI PRO: Round 4

1: Matt Wilkinson (AUS)=14.27, 2-Julian Wilson (AUS)=13.93, 3-Ian Gouveia (BRA) =10.40

2: Michel Bourez (TAH)=15.73, 2-Leonardo Fioravanti (ITA)=10.77, 3-Italo Ferreira (BRA) =8.50

3: Connor O´Leary (AUS)=13.66, 2-Joan Duru (FRA)=13.50, 3-Joel Parkinson (AUS)=10.83

4: Bede Durbidge (AUS)=11.10, 2-Stuart Kennedy (AUS)=5.54, 3-Sebastian Zietz (HAV)=4.67

Posts Relacionados