Gabriel Medina é o primeiro brasileiro a conquistar vaga para semifinal do Open J-Bay, a sexta etapa do CT, em curso na África do Sul.

Consistente e sem desperdiçar oportunidades, o brasileiro pegou as melhores ondas para desbancar o defensor do título da etapa, Mick Fanning, com notas 8,50 e 8,90 – contra 5,83 e 5,50 do australiano.

Durante a bateria, repetindo o episódio da terça-feira (18), um tubarão se aproximou do line up e novamente or comissionários da WSL paralisaram o evento, para retomar a materia após alguns minutos. No vídeo abaixo, um pouco da performance de Medina:

Na semifinal, Medina enfrenta o português Frederico Morais. Rookie do Tour, Frederico chega confiante após virar, na última onda, o confronto contra o havaiano John John Florence, que dominou a bateria e deixou o português “em combo” até os minutos finais.

Só que o português não desistiu; John John liderava com 9,57 e 9,10 e Frederico correu atrás com 9,77 e o 10, que veio na última onda, para barrar o atual campeão mundial. Assista:

FILIPE TOLEDO x JORDY SMITH NAS QUARTAS

Filipe Toledo, autor de duas notas 10 na competição (aqui e aqui), enfrenta o sul-africano Jordy Smith nas quartas de final da prova.

Como as condições do mar pioraram, os organizadores paralisaram a prova ao término do segundo confronto das quartas de final.

Filipe Toledo: dois 10 no Open J-Bay e, depois de Medina, o brasileiro classificado para disputa das semis. Foto: WSL

Uma nova chamada acontece na madrugada desta quinta-feira, às 2:30h (de Brasília). Segundo a previsão, uma ondulação de 8 a 12 pés está para chegar. A janela de espera vai até o dia 23 deste mês.